Uma boa ideia pode ser o ponto de partida para um novo negócio, mas quem busca a competitividade e a perenidade em seu nicho de mercado precisa de processos que garantam a qualidade de produtos ou serviços. Este suporte é oferecido por normas técnicas e poderá ser conferido durante a Feira do Empreendedor do Maranhão, que acontecerá nos dias 06 a 09  de novembro, no Centro de Convenções de Imperatriz Cardoso (Rua Marechal Hermes da Fonseca, Centro), das 16h às 22h. A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) participará do evento e receberá os visitantes em seu estande para apresentar os benefícios da normalização e seu papel na disseminação das melhores práticas.
 
Esta é a sétima edição da Feira do Empreendedor no Maranhão, pela primeira vez realizada fora da capital São Luís. O evento reunirá empreendedores individuais, empresários de micro e pequenas empresas, produtores rurais e potenciais empresários que desejam realizar o sonho de abrir, melhorar ou ampliar seu negócio. Durante quatro dias, o público poderá participar de palestras, rodada de negócios, cursos e oficinas, entre outras atividades.
 
Foro Nacional de Normalização por reconhecimento da sociedade brasileira desde a sua fundação, em 1940, e confirmado pelo governo federal por meio de diversos instrumentos legais, a ABNT é responsável pela gestão do processo de elaboração das Normas Brasileiras (ABNT NBR), destinadas aos mais diversos setores. Com cerca de 200 comitês técnicos em atividade atualmente, a ABNT disponibiliza à sociedade um acervo com aproximadamente 8 mil normas.
 
Muitas normas são direcionadas aos pequenos negócios. É o caso, por exemplo, da ABNT NBR 15842:2010, Qualidade de serviço para pequeno comércio – Requisitos gerais, que estabelece os requisitos de qualidade para as atividades de venda e serviços adicionais nos estabelecimentos de pequeno comércio, visando à satisfação das expectativas do cliente. Há também a ABNT NBR ISO 14005-2012, que auxilia as empresas a implementar, em etapas, um sistema de gestão ambiental.
 
Desde 2008, um convênio firmado entre a ABNT e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) possibilita que as organizações, a partir de um simples cadastro, tenham acesso, gratuitamente, a coleções de normas setoriais sobre: cadeia apícola; cerâmica vermelha; confecção; construção civil – blocos de concreto; construção civil – drywall e gesso; construção civil – esquadrias; couro e calçados; incêndio; madeira e móveis; plástico; reciclagem e sustentabilidade; e reparo de veículos.
 
As empresas também podem adquirir outras normas de seu interesse, pagando 2/3 do valor nominal. Em breve, com a renovação do contrato com o Sebrae, as empresas poderão voltar a investir apenas 1/3 do preço de mercado na aquisição de normas. O endereço eletrônico para acesso é: http://portalmpe.abnt.org.br. A parceria entre a ABNT e o Sebrae ainda contempla cursos de capacitação, que não só estimulam a utilização de normas técnicas, como preparam os profissionais das empresas a participar do processo de normalização.
 
Com um Centro de Informações Tecnológicas e para Negócios (CIT), no qual os interessados podem fazer consultas sobre o acervo, a ABNT oferece ainda o ABNTCatálogo, serviço que permite a pesquisa de normas via internet. Outras facilidades, como o acesso unificado ao acervo e gerenciamento das normas, com rapidez e segurança, são disponibilizadas pelo ABNTColeção.
 
Contatos com a imprensa:

 

Denise Lima – 11 99611.7381 - Oficina da Palavra – 11 3289.2139

E-mail: denise.lima@abnt.org.br

Visite: www.abnt.org.brwww.abnt.org.br/catalogo ewww.abnt.org.br/consultanacional

Acompanhe:  Facebook (Abnt Normas Técnicas), Twitter (@abntoficial) e Linkedin (abnt-associação-brasileira-de-normas-técnicas).

 

Esperamos por você na Feira do Empreendedor do Maranhão.